Vacinas antes de gravidez


Durante os nove meses da gravidez, os anticorpos, ou seja, as células responsáveis pela defesa do organismo, passam da mãe para o bebê por meio do cordão umbilical. Quando ele nasce, o processo é o mesmo: sendo desta vez transferido pela amamentação. É por meio dessa troca de anticorpos que tanto a mamãe como especialmente o bebê estão protegidos de uma série de enfermidades – o que inclui graves doenças, como é o caso da rubéola ou coqueluche, por exemplo.

E para garantir que a imunização do pequeno ocorra com todo êxito, confira neste artigo quais são as vacinas que a mamãe precisa realizar antes mesmo da gravidez.

 Vacinas antes da gravidez

1. Hepatite B

A Hepatite B é uma doença perigosa, principalmente por conta de sua característica de aparecer ‘silenciosamente’. Ela provoca inflamações no fígado e, caso não tratada, pode evoluir para uma cirrose. Entre os principais sintomas da hepatite B podemos destacar: dores nos músculos e articulações, vômitos, mal-estar e náuseas.

A doença é transmitida por meio de um vírus, que caso contraído pela mulher durante a gestação, pode acabar passando também para o feto (principalmente no momento do parto).

2. Tríplice bacteriana
Já essa vacina é fundamental a medida em que protege a futura mamãe de três diferentes doenças: difteria, coqueluche e tétano.

A primeira pode estimular o surgimento de um edema irreversível no pescoço do recém-nascido, podendo causar uma asfixia durante o parto. A coqueluche inflama as vias respiratórias e o tétano produz toxinas capazes de paralisar os grupos musculares dos pequenos.

3. Tríplice viral

Já a tríplice viral consiste em uma vacina que protege contra as seguintes doenças: caxumba, sarampo e rubéola. Esta última é extremamente perigosa durante a gestação, uma vez que pode causar danos irreversíveis ao feto, tais como: surdez, glaucoma, catarata e problemas de origem neurológica ou cardíaca.

vacinas antes da gravidez

4. Vacina da Gripe

As mulheres grávidas têm maiores chances de complicações em simples gripes ou resfriados, como uma possível pneumonia, por exemplo. Por isso, é ideal que elas se previnam com essa vacina, que pode ser tomada antes ou durante a gravidez.

5. Varicela

A catapora é uma doença geralmente contraída durante a infância, fazendo com que depois da primeira manifestação o organismo do indivíduo se torne autoimune.

Por isso, as mulheres que não a tiveram quando eram mais novas precisam se prevenir, tomando a vacina antes da gravidez. Se a enfermidade for contraída em meio à gestação, ela pode causar má formação do feto e até mesmo levar a morte.

6. Pneumocócica 23 Valente

Já essa vacina só precisa ser tomada pelas futuras mamães que tenham tido (em qualquer momento da vida) doenças pulmonares, no coração, renais ou que tenham, especificamente, imunodeficiências, diabetes ou que sejam desprovidas de baço.

7. Hepatite A

Exames do tipo sorológicos devem ser realizados pela futura mamãe para que ela descubra se o seu organismo é (ou não) imune à Hepatite A. Caso não seja, essa vacina também deve ser realizada antes mesmo da futura gestação.


•••