Entenda a Ovulação


As mulheres que estão pensando em engravidar precisam entender melhor sobre o período da ovulação, por isso preparamos esse artigo repleto de informações sobre todo este processo. A ovulação ocorre quando o óvulo é liberado pelo ovário e chega até as trompas de Falópio, estando pronto para ser fecundado pelo espermatozoide e dar início a gravidez. Se o óvulo for penetrado por um espermatozoide, acontece a fecundação do óvulo e isto marca o início da gravidez. Mas se o óvulo não for fecundado, alguns dias depois virá a menstruação, dando início a um novo ciclo menstrual. Acompanhe nosso artigo e entenda a ovulação!

Preparação para a ovulação

No início do seu ciclo, o hormônio de estimulação de folículos é produzido pela glândula pituitária em seu cérebro. Esse é o hormônio essencial envolvido na estimulação dos ovários para fornecer óvulos maduros. Os folículos são cavidades preenchidas por fluidos nos ovários. Cada folículo possui um óvulo não desenvolvido. Você necessitará registrar a duração do seu ciclo pelo menos por alguns meses para começar a compreender como ele funciona. O nível de estrogênio está bem mais baixo no primeiro dia de sua menstruação. A partir daí, começa a elevar conforme os folículos crescem.

Enquanto inúmeros folículos começam inicialmente a se desenvolver, um folículo geralmente se torna “dominante” e este será o óvulo que amadurecerá dentro do folículo que está aumentando. Ao mesmo tempo, a quantidade crescente de estrogênio garante que o revestimento do útero fique mais espesso, com nutrientes e sangue. Assim, se você engravidar, o óvulo fecundado terá todos os nutrientes e suporte que necessita para crescer. Altos níveis de estrogênio estão inclusive relacionados com o aparecimento do muco ‘amigável para o esperma’ (ou, utilizando o nome técnico, o muco cervical fértil). Pode ser que você perceba isso como uma descarga fina e deslizante, que pode ter uma cor branco leitosa. O esperma pode nadar com mais facilidade por esse muco e pode sobreviver nele por muitos dias.

Entenda a Ovulação
Compreenda o ciclo de ovulação

Ovulação

O nível de estrogênio do seu corpo está elevando e, provavelmente, provocará um rápido crescimento do hormônio luteinizante (o ‘elevado do LH’), que faz o folículo dominante romper e liberar do ovário o óvulo maduro que entrará na trompa de Falópio. Esse processo é conhecido como ovulação.

Várias mulheres consideram que ovulam no 14º dia, mas 14 é uma média e uma grande parte das mulheres realmente ovula em um dia diferente do ciclo menstrual. O dia da ovulação pode variar segundo o ciclo. Algumas mulheres dizem que sentem uma pontada de dor quando ovulam, mas a maioria das mulheres não percebem nada e não há nenhum outro sinal de que você está ovulando.

Depois da ovulação

Após que o óvulo é liberado, ele se move pelas trompas de Falópio na direção do útero. O óvulo só sobrevive 24 horas depois da ovulação. A sobrevivência do esperma varia mais, entre 3 a 5 dias, então os dias antes da ovulação e o dia da ovulação em si são seus dias mais férteis quando é mais possível que você engravide. Assim que você ovular, o folículo começa a produzir outro hormônio: progesterona.

A progesterona provoca uma elevação ainda maior no revestimento do útero como preparação para o óvulo fecundado. No entanto, o folículo esvaziado dentro do ovário começa a encolher, mas continua a fornecer progesterona e inclusive começar a fornecer estrogênio. Nesta fase, pode ser que você perceba os sintomas da tensão pré-menstrual (TPM), tais como mastalgia, inchaço, letargia, depressão e irritabilidade.


•••