Cuidados com a higiene do bebê


Os bebês precisam de alguns cuidados especiais com higiene, mas nada que exija muita habilidade por parte dos pais e mamães. O ideal é saber organizar bem a rotina: antes do banho, é preciso separar a fralda limpinha, as roupinhas, toalha e materiais específicos para higiene (como shampoos e sabonetes especiais), por exemplo. De modo geral, evitar movimentos muito rápidos e conversar com o bebê durante os momentos de higiene ainda são formas de estreitar a relação entre pais e filhos. Com base nisso, confira neste artigo quais são os principais cuidados que você deve ter com a higiene do bebê.

Cuidados com a higiene do bebê

1. A troca de fralda

A fralda do bebê precisa ser trocada com determinada frequência – a toda a vez que estiver suja e/ou a cada 3 horas. Além de diminuir o risco do surgimento de dermatites ou assaduras, o ato de trocar a fralda também permite que a pele do pequeno possa respirar.

Quando o número 2 for feito, a limpeza exige a retirada por completo dos resíduos de fezes. Limpe bem o bumbum do bebê com sabonetes antissépticos, algodão ou lenços umedecidos e água morna.

2. A hora do banho

Antes mesmo do banho, é fundamental que a mamãe separe todos os itens que serão utilizados: toalha, sabonete infantil, shampoos e condicionadores especiais, fralda e uma troca de roupa.

O banho (principalmente no outono e inverno) deve ser dado no período mais quente do dia, como no começo da tarde, por exemplo.

Comece com lavando o cabelo (tomando cuidado para não entrar água no ouvido da criança), para depois lavar o pescoço, o resto do corpo e, por último, os genitais (para que os resíduos de fezes não entrem em contato com o corpo da criança). Coloque a fralda, a roupa, e seque a região dos ouvidos superficialmente.

3. Cuidados com os olhos

Se o bebê acordar com remela (secreção) nos cantos dos olhos, a limpeza deve ser realizada com gazes. Molhe as gazes em soro fisiológico e passe, com cuidado, nos olhos do pequeno.

cuidados com a higiene do bebe

4. E a pele?

Muitos são os papais e mamães que concentram dúvidas em relação à limpeza da pele do bebê. O motivo é compreensível: a pele do pequeno é muito mais sensível do que a nossa.

Nas duas primeiras semanas de vida do bebê esse cuidado de higiene deve ser realizado com a ajuda de óleos especiais – que podem ser facilmente encontrados em farmácias. Depois desse período, sabonetes líquidos (e preferencialmente antissépticos) já podem ser utilizados no lugar para garantir a limpeza e a hidratação da pele do pequeno.

5. Cuidados de higiene com as unhas

As unhas do bebê podem começar a ser cortadas assim que crescerem, pela primeira vez, o suficiente para machucarem.

Na hora de cortar é necessário tomar muito cuidado para não acabar machucando as cutículas ou até mesmo os dedos do pequeno, que pode se mexer durante esse cuidado. Prefira sempre o formato mais arredondado e mantenha as unhas sempre bem limpas.

E no caso de dúvidas…
Não hesite em tirá-las com o profissional responsável pela saúde do seu filho, ou seja, o médico pediatra.


•••