Comer placenta faz mal?


Comer placenta qui no Brasil não é nada normal,  você já ouviu falar que alguma mãe comeu sua própria placenta aqui no brasil? A apresentadora Bela Gil comeu sua placenta logo após dar a luz dentro de uma vitamina de banana, além disso ela também deu um pouco da tal vitamina para sua filha Flor tomar, confessamos que achamos uma prática estranha, mas vamos saber um pouco mais antes de falar besteira?

Na verdade este hábito de comer placenta se chama placentofagia e não é um hábito novo, muitas celebridades mundo a fora tem aderido ao hábito de comer suas próprias placentas, elas acreditam que ao comer a placenta adquirem benefícios para sua saúde, elas afirmam está seguindo o exemplo de outros mamíferos, já que o órgão é bastante rico em nutrientes, ferro e hormônios.

Comer placenta faz mal?

No caso da Bela Gil a placenta foi adicionada em uma vitamina de banana, mas nos EUA as mulheres estão comendo suas placentas em cápsulas de placenta em pó, isso mesmo que você está pensando, difícil de acreditar né? Nos EUA já existe uma empresa especializada em produzir placentas em cápsulas, as mulheres enviam suas placentas e logo elas são cozidas no vapor, desidratadas, fatiadas e transformadas em pó que logo são encapsuladas.

Desta forma fica mais fácil para serem ingeridas pelas suas respectivas doadoras de placentas, na entrega do pacote a empresa ainda coloca o cordão umbilical desidratado para decorar o pacote, dá pra acreditar numa coisa dessas?

Mas comer a placenta faz bem para saúde?

Este é um tema muito polêmico, pois já imaginou uma mãe portadora de algum vírus ingerindo sua própria placenta contaminada? E pior ainda, já imaginou alguma mãe comendo a placenta de outra? O risco de contaminação é muito alto já que a placenta pode sem dúvidas transmitir doenças infectocontagiosas, lembrando também que a placenta contém hormônios e podem não ser interessantes em alguns casos, é necessário ter muito cuidado com esta prática.

Comer placenta faz bem para as mães?

As mães que comem placenta acreditam que sua produção de leite será melhor, as chances de haver uma depressão pós parto diminuem, o corpo voltará mais rapidamente ao seu estado normal pré gravidez e outros benefícios mais. Nada disto está comprovado cientificamente.

Esta prática não é indicada em hipótese alguma, já que os mamíferos humanos aboliram essa prática a milhares de anos, entende-se que é uma prática desnecessária e arriscada, pois a evolução natural nos capacitou para não precisar comer placenta para adquirir hormônios ou outros nutrientes.

comer placenta faz mal

Comer placenta faz mal?

Mais sobre comer placenta

Ao longo da evolução humana as mulheres desenvolveram hábitos que prescindem da necessidade de comer placenta, se observarmos na natureza o macho animal quase nunca está presente para ajudar no parto, não existe nenhum auxilio na natureza, portanto a fêmea conta apenas com a placenta para manter o filhote nutrido, estudos relatam que os animais comem a placenta para evitar que predadores sejam atraídos por ela.

Portanto vale lembrar que não há necessidade alguma para as mães comerem suas placentas, pois o seu organismo está na maioria das vezes preparado para o parto, converse com o seu médico se ainda estiver em dúvida, um bom profissional de saúde vai ajudar muito a esclarecer este assunto.

Sabemos que gostos e crenças não se discutem, mas lembre-se que não há nenhuma prova científica que comprove os benefícios em comer placenta, portanto muito cuidado, repasse essa informação adiante e procure ficar sempre muito bem informada.


•••