Brinquedos educativos para crianças


Todos nós sabemos que brincar é essencial para o desenvolvimento da criança. Os brinquedos são responsáveis por trazer mais alegria para a infância das crianças. Os modelos são muito variados e fabricados segundo as idades e gostos, permitindo que as crianças se divirtam em qualquer situação. As dimensões permitidas nas brincadeiras estimulam à imaginação e à fantasia, além de explorarem sentimentos, reações e experiências. As crianças também desenvolvem a parte física com um todo, ganhando força, agilidade e desenvoltura. Veja a seguir os brinquedos educativos para crianças!

Quais os benefícios dos brinquedos educativos?

Além de serem mais baratos que os modernos, os brinquedos educativos auxiliam no desenvolvimento da criança, em conceitos pré-escolares, como cores, números, formas, letras, matemática e linguagem. Ajudam na percepção de organização e impulsiona o raciocínio lógico. Por não contar com tanto aparato tecnológico, estes brinquedos aguçam a criatividade e também a curiosidade. Sem contar que alguns jogos trazem noções de estratégia, vitória, derrota e ensinam à criança princípios de respeito.

Como escolher os brinquedos educativos certos?

Um fator de influência é a idade da criança. Alguns jogos são mais simples, outros exigem uma experiência e idade maior. É preciso combinar o brinquedo certo para não haver quebra de etapas no aprendizado da criança. Para bebês com um ano de vida, são recomendados objetivos que desenvolvam sua coordenação motora, como martelinhos, jogos de encaixe e bolas. A partir dos dois anos, as crianças passam a identificar cores e formatos. No entanto, deve optar-se por brinquedos com cores primárias. A partir dos três anos teatros, instrumentos musicais, letrinhas e números tornam-se boas ferramentas de pré-alfabetização. Já dos seis aos oito anos, é importante o foco em jogos pedagógicos que estimulem o raciocínio. Dominós, jogos de perguntas e de estratégia, etc.
brinquedos educativos para crianças

Conheça 3 brinquedos educativos

Cubos 

Os cubos com letras são um dos brinquedos educativos mais populares. Antigamente, eram compostos de madeira e tinham os algarismos pintados em cada um dos lados. Usados para ensinar o processo de leitura e conhecimento do alfabeto para crianças, atualmente, eles ganham roupagem diferente.

Para inovar e dar características atuais à brincadeira, os novos cubos vêm em formatos para montagem, para que eles possam unir os blocos e formar palavras na horizontal e na vertical. Apesar disso, para os bebês que ainda não sabem ler, eles são coloridos e promovem uma identificação visual que atrai a atenção. Ao comprar os cubos, prefira aqueles compostos com material emborrachado, sem cantos e que não proporcione riscos quando levados à boca, para diminuir perigo de lesões.

Blocos

Os brinquedos educativos que envolvem blocos são os que mais impulsiona as habilidades físicas e mentais da criança. Embora os bebês dificilmente vão conseguir fazer as montagens, o manuseio das peças estimula. Quando adaptados às suas necessidades e interesses, eles proporciona divertimento e segurança, porque o formato é adequado para idades menores.

De inúmeros tipos, os blocos normalmente vêm acompanhados de um recipiente onde são guardados, o que colabora com a organização depois da brincadeira. O único cuidado deve ser o de evitar blocos muito pequenos, que possam ser engolidos.
brinquedos educativos para crianças

Móbiles

Perfeitos para bebês, os móbiles costumam ser os brinquedos educativos com os quais a criança tem seu primeiro contato. Pendurados sobre o berço, eles podem ter formatos e cores diferentes. Quanto mais coloridos, mas chamam a atenção.

Algumas variedades desses objetos são também luminárias, que projetam imagens no teto e impulsiona ainda mais a concepção dos bebês. As canções de ninar que acompanham os móbiles também auxiliam a acalmar as crianças, tornando o ambiente mais leve e propício ao sono.

Idade ideal

De 1 a 3 anos: é normal as crianças gostarem de brinquedos educativos que envolvem movimentos pois estão descobrindo suas capacidades, inclusive de andar. Bonecos grandes também são interessantes para que a criança reconheça as formas do próprio corpo com o brinquedo. Exemplos: brinquedos de encaixe, de empurrar ou puxar, triciclos, bonecos, quebra-cabeças, etc.

De 3 a 5 anos: os brinquedos prediletos são os que impulsionam a imaginação. É a fase em que eles brincam de faz-de-conta com as roupas e objetos dos pais. Exemplos: fantoches, instrumentos musicais, fantasias, livros de pintar, etc.

De 5 a 7 anos: jogos com letras são excelentes nesta fase pois impulsionam a alfabetização dos pequenos, que passam a gostar de atividades e brinquedos um pouco mais complexos. Exemplos: bonecas e carrinhos menores, livros com textos curtos, teatro de fantoches, jogos de regras simples, etc.

De 7 a 12 anos: raciocínio lógico e atividade física são as preferências da garotada, que começam a gostar mais de competições. Exemplos: bicicletas, skates, patins, jogos mais complexos, etc.

Curiosidades

Os brinquedos prediletos entre os meninos são: carrinhos, bolas de futebol, bonecos dos Transformers, Ben 10 e Iron Man, bicicletas, skates e muitos outros. Os que as meninas mais gostam são: bonecas Barbie, Polly, bicicletas, kits de massas de modelar, brinquedos das princesas da Disney e outras coisas. Os blocos de montar da LEGO e os brinquedos da Fisher Price agradam à todos, ainda mais por permitirem que as crianças brinquem em conjunto.


•••