A importância de brincadeiras entre pais e filhos


Para muitos pais o fato de participar da criação e dos momentos mais importantes da vida do filho é um sonho, mas com tanta falta de tempo, não conseguem fazer com que tudo isso aconteça. Infelizmente a correria dos dias atuais acaba sendo um empecilho para que os pais tenham tempo para se dedicar exclusivamente a seus filhos. Não é tão fácil conseguir reunir a família para um momento de lazer, fazer com que todos fiquem juntos por um único objetivo que é o relacionamento familiar.

Dicas sobre brincadeiras entre pais e filhos

 

Brincar com o filho vai além de apenas entretê-lo. Brincadeiras entre pais e filhos ajuda a fortalecer vínculos emocionais, além de criar intimidade entre ambos, o que é algo muito importante para a autoconfiança e aceitação da criança, fazendo com que estes momentos sejam de grande importância para o desenvolvimento infantil.

É através das brincadeiras entre pais e filhos que é possível entender um pouco do universo infantil e geralmente o que tem limitado tanto os pais a terem esses momentos com seus filhos são questões profissionais, como também as atividades eletrônicas. Para alguns pais o fato de trabalhar no intuito de oferecer algo melhor para o filho já é o bastante, o que acaba fazendo com que a desatenção com o filho seja algo constante. Muitas vezes para suprir a ausência os pais costumam agradar os filhos proporcionando algo que lhes divirtam, como; jogos eletrônicos, computador ou brinquedos convencionais, mas a interação da família através de brincadeiras mostra maiores resultados, pois é dessa forma que a criança percebe o quanto os pais estão dispostos a conhecer ou reconhecer o mundo dela. E essa cumplicidade faz com que ambos aprendam um com o outro, fortalecendo uma relação entre pais e filhos, gerando confiança.

Brincadeiras entre pais e filhos

Algumas crianças podem apresentar dificuldade de compreender e organizar os pensamentos até conseguir expressar o que sente, e pode acontecer de alguns pais não se dar conta de que a criança está ficando cada vez mais distante, devido essa dificuldade da criança não conseguir demostrar de maneira clara suas frustrações, fazendo com que percam o interesse pelas atividades da rotina e chorar para fazer coisas que faziam normalmente. E alguns pais tem a dificuldade de entender o que realmente está acontecendo, acreditando que algo novo aconteceu fora do ambiente familiar. Se as crianças não conseguem realizar com a família coisas que ela gosta e que realmente importa, isso fará com que ela não aceite as atividades sugeridas pela família, pois essa é uma maneira de demonstrar sua necessidade.

Quando as crianças estão maiores, as cobranças podem vir de maneira mais agressiva. Fazendo com que elas respondam de forma ríspida e se comportem de maneira astuciosa, acham que a família dos outros é melhor e começam a agir de forma oposta nas ações que para família é importante.

brincadeiras entre pais e filhos

A falta de tempo pode acabar dificultando a relação entre pais e filhos, mas é importante observar que crianças são muito criativas e elas arranjam a solução para esse tipo de problema, já que para elas, qualquer coisa pode ser de brincar. Não fiquem aguardando um final de semana prolongado para preparar alguma brincadeira incrível, pois isso pode fazer com que esse planejamento nunca de concretize, além do mais, as crianças dão valor as pequenas coisas, desde que tenham a atenção dos pais, aproveitem cada momento favorável, você pode explorar ao máximo o momento em que vai levar seu filho até a escola, use a criatividade e poderá encontrar afinidades com seu filho que nem imaginava ter.

Ideias divertidas para brincadeiras com seus filhos

Não sabe como brincar com seu filho? Veja algumas dicas de brincadeiras de acordo com a faixa etária da criança para você se inspirar e fazer com o tempo seja ainda mais proveitoso:

Crianças de 0 a 1 ano

  • Escutar e cantar músicas
  • Rola-bola no chão
  • Brincar com água, baldinho ou piscina (sempre com supervisão)
  • Ler e interpretar: leia histórias para seu filho e interprete os personagens

Crianças de 2 a 3 anos

  • Desenhar
  • Pique-esconde
  • Passa-anel
  • Dançar
  • Massa de modelar

Crianças de 4 a 6 anos

  • A-do-le-ta
  • Amarelinha
  • Bambolê
  • Estátua
  • Mímica

Crianças acima de 7 anos

  • Cabra-cega
  • Malabarismo
  • Caça ao tesouro
  • Pipa
  • Jogos com bola: futebol, queimada, vôlei.

Você pode também comprar jogos da memória ou até mesmo um grande quebra cabeça para montarem juntos, há diversas maneiras fáceis e divertidas de brincar com seu filho, que proporcionam interação entre pais e filhos, fortalecendo os laços íntimos. Com um pouco de esforço há possibilidade de oferecer ao seu filho momentos que ficarão guardados em suas memórias.

brinacadeiras entre pais e filhos

Brincar é essencial. E nos primeiros anos de vida é importante que essas brincadeiras envolvam pais e filhos, pois essas relações contribui para a geração de adultos psiquicamente saudáveis, menos ansiosos, capazes de agir com segurança e de lutar pelos seus objetivos e ainda uma forma de aprenderem a lidar com regras, limites e controlar suas próprias emoções.


•••